whatsapp: +55 21 98777-9649

Sigmund Freud, Wilhelm Reich e Alexander Lowen

As ideias de Freud e Reich trouxeram uma nova perspectiva sobre a importância da sexualidade e do orgasmo, e como a negação dos impulsos sexuais podem resultar em neuroses em diferentes níveis. Apesar do conflito que existiu em determinado momento na relação entre eles, muitos conceitos são complementares.
Ainda que na psicanálise moderna existam controvérsias em relação ao legado de ambos, é indiscutível que uma vida sexual saudável está atrelada à uma qualidade de vida melhor para o ser humano.

Freud iniciou um estudo sobre a relação entre a libido e a bioeletricidade ou alguma substância química que atravessava o corpo. Reich retomou esses estudos, e anunciou uma nova ciência que chamou de “orgonomia”, que é uma forma de energia vital liberada durante o
orgasmo.
A potência orgástica, conforme descrita por Reich em 1927, “consiste na capacidade de concentração momentânea de toda a personalidade na experiência genital”. No entanto, a sexualidade e seu histórico de repressão, conceitos sobre “moral” e negação dos impulsos e instintos, impactam diretamente essa capacidade de entrega total e inteireza no que diz respeito ao prazer no corpo (seja individual ou com o parceirx).

Reich também trouxe a idéia das “couraças musculares” que bloqueia o fluxo natural da nossa energia vital. Ele afirmou que “blindagem é a condição que ocorre quando a energia é ligada pela contração muscular e não flui através do corpo” (Reich: 1936).
O conceito de “couraças musculares” foi continuado por Alexander Lowen, psicanalista de origem freudiana e aluno de Reich, que criou a Análise Bioenergética e desenvolveu uma série de exercícios que buscam restaurar o fluxo mais livre da energia vital.

Lowen, após quase trinta anos trabalhando, pensando e escrevendo sobre as suas experiências pessoais e as de seus pacientes, pôde chegar a uma conclusão: “a vida de um indivíduo é a vida de seu corpo: Desde que o corpo com vida inclui a mente, o espírito e a alma, viver a vida do corpo inteiramente significa ser atento, espiritual e nobre. Se tivermos alguma deficiência em qualquer um destes aspectos do nosso ser, significa que também não estamos inteiramente com nosso corpo.”

logoleilavertical

“Conheça todas as teorias, domine todas as técnicas, mas ao tocar uma alma humana, seja apenas outra alma humana.”

Carl Jung

Entre em contato